Arquivo da categoria: Missões

Ainda há muito a alcançar orando, ofertando e enviando!

Como criar uma secretária de missão

COMO CRIAR UMA SECRETARIA DE MISSÕES

Uma Secretaria Local de Missões bem estruturada e que consiga desempenhar bem as atribuições a ela conferidas é essencial para que a Igreja Local esteja bem informada e envolvida na obra missionária.

Em se tratando de missões, é bem verdade que quem precisa estimular e desenvolver esta visão na igreja é o pastor, que é a autoridade mais expressiva na Igreja Local. Se este principio não partir dele, ou se ele não lhe der pelo menos apoio ou concordância, fique orando por ele e esperando que ele seja despertado pelo Espírito Santo. Qualquer iniciativa sem a autorização e apoio do líder, estará totalmente fora da vontade de Deus (leia Romanos 13.1-2). Se seu líder não tem a visão missionária, ore, contribua financeiramente com algum projeto ou agência missionária, se informe sobre o assunto e espere. Se há alguém que será cobrado por Deus por uma igreja não se envolver com a obra missionária, será sempre seu líder, pois foi ele quem recebeu a autoridade delegada de Deus, e por isso, deve ter comunhão suficiente com Deus para conhecer a sua vontade e obedecê-la e fazer seus liderados também obedecerem. Agora, se o seu pastor tem a visão missionária, não perca tempo, se coloque ao lado dele e se ofereça para ajudá-lo a organizar uma Secretaria Local de Missões. Mesmo que o pastor tenha esta visão, se não tiver uma equipe que o assessore e apóie neste assunto, tão complexo e urgente, será muito difícil para ele sozinho, conseguir resultados concretos e duradouros.

Em missões, não pode haver cacique ou super crente que queira fazer tudo sozinho ou estrelas que queiram brilhar mais do que as outras. Não espere ganhar fama ou notoriedade por se envolver com missões. Se este é o seu objetivo, desista. Se o que comove o seu coração é algo mais do que o desejo de estar envolvido num assunto que está na moda; se for um profundo amor, e mais ainda – uma enorme paixão pelas almas que perecem, não perca tempo! Reúna uma equipe com os mesmos sentimentos e mãos à obra.

Já esta secretaria ou departamento de missões, poderá ser basicamente composto por um secretário local, que terá a função de coordenar e orientar todas as atividades relativas a missões e evangelismo local, um secretário adjunto que cuidará principalmente da área organizacional de secretaria, tais como: organização de arquivos com informações missionárias, biblioteca missionária, cadastro de missionários e correspondências em geral, um tesoureiro que recolherá todas as contribuições, as organizará contabilmente e as repassará aos missionários ou agências. Outros membros ainda poderão compor a Secretaria de Missões, tais como: secretário correspondente, membros de intercessão, colaboradores de Informativo Missionário e muitos outros.

Assim sendo, a Igreja Local que não tem uma Secretaria ou Departamento de Missões operante, precisa vencer este desafio e implantar este braço da Igreja Local, tão importante para o envolvimento e desenvolvimento missionário. A Secretaria Local de Missões é responsável juntamente com o Pastor Local, por colocar constantemente os gravetinhos na fogueira de missões da Igreja Local, mantendo assim, sempre acesa a chama missionária.

Se você é uma pessoa que ama missões e seu Pastor e sua igreja ainda não tem a visão missionária comece orando e pedindo a Deus que desperte seu Pastor isso e aguarde o que Deus fará!

 

Além do Pátio dos Gentios

 

Assim diz o Senhor DEUS: Esta é Jerusalém; coloquei-a no meio das nações e das terras que estão ao redor dela.

Estrategicamente Jerusalém está no centro da Terra, e por conseqüência também o templo de Deus em Jerusalém está. Havia nesse templo um local chamado pátio dos gentios que era a parte mais exterior do templo. Você pode imaginar o templo dividido em três partes como os nossos templos modernos: o altar, a nave do templo e a parte depois dos muros.  Esta parte depois dos muros era o Pátio dos Gentios a única parte do templo onde era permitida a entrada de pessoas comuns, gentios que criam em Deus.

Fora reservado pelo Senhor exclusivamente para os gentios. A obra missionária sempre esteve no coração do Senhor, Ele sempre teve o interesse de salvar toda a terra e revela isto na construção do templo, que era exclusivo para judeus, mas que tinha como se vê um lugar para receber todos de todas as nações.

Este pátio segundo a visão divina era para amparar o estrangeiro, e dar a ele um lugar para adoração, para dar a ele a chance de conhecer e sentir YHWH o Deus dos judeus, o Deus da salvação.

Mas para sua completa indignação, Jesus ao entrar no templo, em vez de encontrar ali gentios orando e buscando a Deus, ou sendo ensinados pelos judeus que eram o povo escolhido, encontra em vez disso um variado comércio ali estabelecido. O pátio dos Gentios estava cheio de pombos bois ovelhas e cambiadores comercializando naquele local que o próprio Jesus considerou santo. Não sabeis vós que sois o templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós? I Cor  3,16

Segundo esta afirmação de corintios nós somos o templo de Deus. E como templo de Deus o que tem ocupado nosso ser?

Será que os gentios (pecadores) têm ocupado algum lugar em nosso coração? Temos nos lembrado da obra missionária, do IDE? O Senhor quer que saiamos que vamos além dos murros, além do Pátio dos Gentios e os alcancemos! E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura. O mundo é o campo! Ore para que Deus te dê forças para ir além do Pátio dos Gentios, ir além das dependências da igreja. Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;

Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém. Mat. 28,19,20.

O terceiro milênio começou com seis bilhões de habitantes e com 1.739 grupos étnicos no planeta.

Os últimos dados estatísticos nos mostram que cerca de 33% dos moradores da terra ainda não ouviram falar de Jesus.

O quadro é mais ou menos assim:

·      Dois bilhões de pessoas seguem o Cristianismo, incluindo os cristãos nominais.

·      Dois bilhões já ouviram falar de Jesus pelo menos uma vez.

·      Dois bilhões nunca ouviram falar de Jesus.

Isso remete minha lembrança à palavra do Senhor em Zacarias 13.8-9 que diz:

“E acontecerá em toda a terra, diz o Senhor, que as duas partes dela serão extirpadas, e expirarão; mas a terceira parte restará nela.

E farei passar esta terceira parte pelo fogo, e a purificarei, como se purifica a prata, e a provarei, como se prova o ouro. Ela invocará o meu nome, e eu a ouvirei; direi: é meu povo; e ela dirá: o Senhor é o meu Deus”.

A profecia fala que as duas partes da Terra serão extirpadas.  Segundo meu entendimento essas duas partes que expirarão, ou seja, morrerão, são os dois bilhões que já ouviram falar de Jesus pelo menos uma vez, mas ainda não são salvos, e também os outros dois bilhões que nunca ouviram falar de Jesus.   Restando uma terceira parte nela, que podemos dizer que são os outros dois bilhões de pessoas que seguem o Cristianismo, incluindo os cristãos nominais, os quais após serem provados e aprovados poderão chamar o Senhor de PAI e ELE os chamará filhos.

Incrível como a palavra de Deus é atual! Você está notando quanto trabalho há a ser feito pelo povo de Deus? Precisamos ir além dos muros, precisamos ir além do “Pátio dos Gentios”. Deus abençoe a RENOVAÇÃO DOS REMIDOS.

 

                        Pr. Luiz Antonio