O Superintendente da Escola Bíblica

Pastor Luiz Antonio
Pastor Luiz Antonio

O Superintendente da Escola Bíblica

Se é ministério, seja em ministrar; se é ensinar, haja dedicação ao ensino;

Ou o que exorta, use esse dom em exortar; o que reparte, faça-o com liberalidade; o que preside, com cuidado; o que exercita misericórdia, com alegria. Rom 12,7,8.

Para te sintonizar completamente e te familiarizar com o sentido da palavra em questão, vamos começar com as definições.

O termo “superintendente” procede do latim e é vertido para nosso idioma do mesmo modo significando, “aquele que dirige na qualidade de chefe”; “aquele que inspeciona”, “aquele que supervisiona”.

No hebraico, é paqîd e é descrito como: inspetor, encarregado.

O termo descreve um subordinado especial (Gn 41.34) posto em uma posição de “supervisão de outros”.

O paqîd era um funcionário real de confiança que administrava o trabalho e funções dos soldados, sacerdotes e levitas no Antigo Testamento. Em 2º Cron. 31.13; 34.10,12,17 é o administrador do Templo.

No Grego: é proistemi (Rm 12.8) é o que “preside”, literalmente significa “aquele que está à frente de”; no modo infinitivo é “liderar” ou “dirigir”.

De acordo com Paulo, os líderes são pessoas capacitadas sobrenaturalmente pelo Espírito Santo para administrar, presidir e liderar atividades executadas pelo Corpo de Cristo para o crescimento do Reino de Deus.

Contemporâneamente, chamamos a função do superintendente ou diretor de: “Gestor da Escola Dominical”.

Funções Gestoras do Superintende da EB

  1. O Superintende da EB deve cuidar da qualidade educacional da EB, observando os professores, se estão à altura de sua função, se têm capacidade de ensino, encaminhá-los à reciclagem se necessário.
  2. O Superintende da EB deve ter visão crítica do projeto educacional, deve ser conhecedor do andamento do ensino em todas as classes da EB (crianças, adolescentes, jovens e adultos).
  3. O Superintende da EB deve administrar os recursos humanos e materiais: recursos humanos neste caso são os professores e auxiliares, recursos materiais são as revistas e todo tipo de material usado no ensino da EB.
  4. Os professores da EB devem ser selecionados com base em sua capacidade de aprender e ensinar; e isso também é função do Superintende da EB.
  5. Criar um ambiente de cooperação que promova a excelência no ensino e uma relação sólida e segura entre os professores e alunos também é função do Superintende da EB.
  6. O Superintende da EB é o homem que envolve todos os professores e alunos na garantia da qualidade da Escola Bíblica; é aquele que divulga e promove a escola bíblica diante da igreja. (Propaganda continua da EB).
  7. O Superintende da EB cria programas de capacitação para novos professores sempre que houver necessidade. Este programa de capacitação pode ser uma reunião extra onde os novos professores dão aula para os professores mais antigos que os ajudarão no crescimento didático. Pode ser um seminário de reciclagem ministrado por um obreiro mais experiente, leitura de livros sobre o tema, etc.!
  8. O Superintende da EB é o homem que atende as necessidades materiais da Escola Dominical; compra de revistas e outros materiais necessários.

    O Superintende da EB deve:

  • Observar os alunos, deve tentar notar que necessidades eles têm!
  • Como melhor aprendem, estimulá-los à busca do conhecimento!
  • Observar como está a relação professor-aluno, qual a qualidade do conteúdo ensinado, e como estão respondendo ao conteúdo ensinado.
  • Observar os professores, que necessidades eles têm, se buscam o conhecimento, como se relacionam com a igreja, qual a sua formação, como usam os recursos educacionais oferecidos, deve ser uma ação do Superintendente!

O Superintende Eficaz é aquele que define os objetivos da EB com clareza; que exibe confiança e receptividade com relação aos alunos e professores; discute as necessidades abertamente; solicita e ouve ativamente o ponto de vista dos outros envolvidos na EB. (Ouvir o ponto de vista de outros não significa ter que fazer tudo o que as pessoas opinam, mas ouvir, ponderar e acatar o que for bom!)

O Superintende Eficaz utiliza a gestão participativa para criar um ambiente de cooperação e participação; (deixando bem claro que sugestão não é decisão).

O Superintende Eficaz ouve, avalia e se for conveniente o conselho, aceita; se não descarta!

Competência administrativa e pedagógica, planejamento; manejo e controle do orçamento da EB, cuidando para que haja um planejamento financeiro que pelo menos pague o material didático do trimestre; organizar; resolver problemas criativamente; comunicar-se eficazmente; mobilizar a equipe escolar e a igreja local; negociar e resolver conflitos devem ser habilidades presentes no Superintendente da EB.

Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o SENHOR teu Deus é contigo, por onde quer que andares. Josué 1,9.

Finalizando, como diz o versículo acima não se “espante”, as regras parecem ser muitas, mas você verá que a maioria destas coisas o superintendente faz naturalmente sem perceber!

Pr. Luiz Antonio.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s